Caridade
Natal... Ano Novo... época de paz, amor... solidariedade.

Sábado passado, eu, a Bruninha e o Teilor fomos para Sapiranga, participar de um evento natalino que o Centro de Formação de Condutores Valderez de lá estava promovendo. Durante um mês, eles recolheram brinquedos, roupas, alimentos e bombons para distribuir pelas áreas carentes da cidade.

Saímos do CFC às 14h da tarde, e, juntos com mais umas vinte pessoas (inclusive Papai Noel) rodeamos Sapiranga distribuíndo o que havíamos arrecadado e, é claro, apresentamos uma pecinha de teatro, sobre Natal e solidariedade.

Passamos por lugares que deixam a gente de coração apertado. Lugares onde água e luz são luxos inalcançáveis. Onde ter um teto para morar, nem que seja uma lona preta, é uma vitória inigualável. Não é preciso dizer que as crianças ficaram mais do que contentes com os brinquedos que distribuímos. Com as roupas, com a comida, com os doces, com o teatro...


Dizem por aí, também, que fazer esse tipo de ação social, especialmente em épocas como essa, "lava a alma". Sabem... eu não acho. Não consigo me sentir aliviada depois de visitar lugares em situações miseráveis como os que visitei. Não dormir tranqüila e com a mente em paz sabendo que grande parte do país e do mundo vive exatamente dessa maneira.

Injustiça, é a única palavra em que consigo pensar. Ainda mais se formos analisar a dificuldade - para não dizer improbabilidade - das pessoas escalarem a pirâmide social e melhorarem suas condições de vida. Como vão conseguir um trabalho que as ofereça uma renda decente e todos os benefícios a que têm direito se pelo local onde moram não passa sequer um ônibus?


Sem dúvida, reclamamos da vida, por vezes, de barriga cheia. Acho que não há nada melhor para acordar para a realidade do que visitar lugares assim. Ver o brilho nos olhos de crianças e até adultos que não viam brinquedos ou comida há muito tempo.


Peço desculpas pelo post um tanto quanto "depressivo". No final de ano, é de se esperar que as pessoas falem de coisas alegres... mas tive que partilhar essa experiência.


Galera, um Feliz Natal (atrasadinho, né, mas o que vale a intenção - e eu estava na casa da minha avó, onde não tem internet) e um 2009 maravilhoso para todos nós, com mais esperança, menos injustiça, menos corrupção e mais amor e compaixão! Talvez seja disso que o mundo esteja precisando. =D




Marcadores: , , edit post
3 Responses

  1. Camila :) Says:

    :), anoo novo estaa bem ai neh amor!
    teenhaa um 2009 coom tudo de bom,

    bejoos


  2. Daniel Says:

    Oi tudo bem?
    Feliz 2009 com um beijo de Londres!
    Daniel
    www.sembolso.blogspot.com


Postar um comentário

Comenta, vai!